Torre de Belém

Em “O Encontro Fortuito de Gerard van Oost e Oludara”, Gerard repara em uma pintura no escritório do Pero de Belém em que ele reconhece a Torre de Belém.

Construído entre 1515 e 1521 para comemorar a famosa viagem de Vasco da Gama da Europa até a Índia, este prédio impressionante pode ser considerado o símbolo mais importante que nos resta hoje da Era dos Descobrimentos de Portugal. Durante aquela época, o pequeno país chegou a dominar metade dos mares do mundo.

tf11ag_pt

(Imagem: Governo de Portugal)

A Torre de Belém, cujo propósito principal era a defesa da entrada do Porto de Lisboa, era um dos últimos pontos de referência que os exploradores observavam ao embarcar nas suas viagens marítimas extraordinárias através do Oceano Atlântico. O caso de Gerard não foi diferente; ele admirou a famosa torre no começo da sua fadada viagem de Portugal ao Brasil.

tf123ag_pt

(Imagem: Governo de Portugal)

A torre contém decorações de elementos marítimos, símbolos cristãos e uma mistura de arquitetura gótica e mulçumana. Este estilo chama-se manuelino, por ser desenvolvido durante o reino de Manuel I de Portugal.

tf21ag_pt

(Imagem: Governo de Portugal)

Hoje, a torre encontra-se na freguesia de Santa Maria de Belém, no município de Lisboa. Ela foi tombada como Patrimônio Mundial pela UNESCO em 2007.

Participe da discussão