Saci-Pererê

O Saci-Pererê de A Bandeira do Elefante e da Arara foi um escravo menino no primeiro navio negreiro a aportar no Brasil. Porém, uma morte traiçoeira e um forte encantamento deram a ele seus poderes mágicos e o se tornaram o lendário Saci-Pererê.

Saci adora três coisas acima de todas as outras: tabaco, quebra-cabeças e atormentar viajantes da selva brasileira—em particular, Gerard van Oost e Oludara! Ele consegue pular na sua única perna mais rapidamente do que a maioria das pessoas consegue correr, e até pode “saltar” pelo espaço, se teletransportando de um lugar para outro à vontade—um poder que o deixa visitar a nossa dupla de heróis com uma frequência muito maior do que eles gostariam. Ele não é um membro oficial de A Bandeira do Elefante e da Arara, mas recomendo não contar este fato a ele!

Gerard e Oludara sabem a fonte dos poderes do Saci, mas se você gostaria de saber também, vai precisar ler “O Encontro Fortuito de Gerard van Oost e Oludara.” Para os que se divertiram com suas travessuras naquela primeira história, não se preocupem, ainda vão ver muito mais histórias com Saci-Pererê!
(Ilustração por Paulo Ítalo)

Mensagens postadas

  1. A Bandeira do Elefante e da Arara » Entrevista com Andriolli Costa

    […] de A Bandeira do Elefante e da Arara, você pode ler sobre sua participação na história clicando aqui. Veja abaixo a entrevista com Andriolli […]

    reply

Participe da discussão