The World of Gerard van Oost and Oludara

Postagens marcadas com ‘releases’

Sportula licencia direitos mundiais em espanhol para A Bandeira do Elefante e da Arara

Série premiada de fantasia brasileira a ser publicada por editora espanhola

Porto Alegre, 17 de novembro de 2016 – A Bandeira do Elefante e da Arara é a aquisição mais recente da Sportula, editora espanhola de ficção científica e fantasia, fundada pelo autor premiado Rodolfo Martínez. O catálogo da editora inclui nomes como Juan Miguel Aguilera, Elia Barceló, Angélica Gorodischer, Ian Whates, Arthur Conan Doyle e María Zaragoza, entre outros.

A série A Bandeira do Elefante e da Arara é uma história de fantasia ambientada no Brasil Colônia. A obra já concorreu a prêmios internacionais, como o prestigiado Nebula (EUA), concedido pelo Science Fiction and Fantasy Writers of America, para os melhores trabalhos de ficção científica e fantasia. Em 2014, a primeira história da série ganhou uma adaptação para quadrinhos. As aventuras serão lançadas no formato board game em 2017.  A série é publicada no Brasil pela Devir Livraria.

As versões digitais da Sportula estarão disponíveis em espanhol para os leitores em todo o mundo. Também há planos para juntar todas as histórias em uma versão impressa. O editor Rodolfo Martínez escreve: “As histórias do Kastensmidt são um sopro de ar fresco no cenário atual de fantasia épica, onde todo mundo parece obcecado em revisitar a idade medieval na Europa (ou versões dela), como se não tivesse outras possibilidades. Em vez disso, ele ousou visitar outras tradições e mitologias, e criou uma fusão inteligente e instigante de romances históricos com lendas da África e da América. Ele está explorando território inédito e descobrindo novos mundos. Para mim, como diretor da Sportula, é um privilégio ser a editora espanhola da obra dele”.

Christopher Kastensmidt, autor da série, diz: “Rodolfo é um dos maiores autores espanhóis de literatura fantástica e a Sportula é uma das editoras mais queridas entre os fãs. Não consigo imaginar uma ‘casa’ melhor para as histórias de A Bandeira do Elefante e da Arara. É uma honra poder trabalhar com eles”.

A edição em espanhol será o sétimo idioma da série. As histórias estão disponíveis atualmente em chinês, através da rede social Douban Read, de 100 milhões de usuários; em português, através da Devir Livraria; e em inglês através de uma edição do autor na Amazon. Outras traduções incluem tcheco, romeno e holandês, em revistas especializadas em literatura fantástica.

Sobre Sportula

Sportula foi fundada em 2009 para o autor Rodolfo Martínez gerenciar edições digitais da sua própria obra. A partir de 2012, a editora começou a publicar outros autores espanhóis com a antologia do gênero Space Opera Akasa-Puspa de Aguilera y Redal, organizada por Juan Miguel Aguilera e Javier Redal. Ao longo dos anos, a Sportula publicou mais de 100 títulos, em versões impressas e ebooks, de mais de 40 autores. O catálogo inclui principalmente autores espanhóis, mas nos últimos anos foi expandido para incluir autores ingleses e latino-americanos. A editora ganhou vários prêmios, com destaque para o Prêmio Ignotus, equivalente espanhol do Prêmio Hugo. No catálogo da editora, leitores podem encontrar ficção científica, fantasia, romances históricos, livros de detetives, ensaios e poesia.

Sobre A Bandeira do Elefante e da Arara

A Bandeira do Elefante e da Arara é uma série internacionalmente premiada de fantasia brasileira. As histórias contam as aventuras do holandês Gerard van Oost e do iorubano Oludara, uma dupla de heróis que se encontram em Salvador no século XVI. No Brasil, as histórias e quadrinhos estão sendo adotados por escolas de vários estados. Notícias, arte e referências culturais podem ser encontradas no site www.abandeira.org.

Sobre Christopher Kastensmidt

Christopher é norte-americano, radicado em Porto Alegre desde 2001. Antigo diretor da Southlogic Studios e da Ubisoft, é roteirista de games, quadrinhos e livros publicados ao redor do mundo.

Capas internacionais:

%e9%9b%a8%e6%b7%8b%e6%97%a7%e4%ba%8b-1 dev333121capa7_300

Edições – Sportula:

 sport1 sport2 sport3

 

Release: Epopeia assina com renomado autor e ex-Diretor Criativo da Ubisoft para o projeto PAGO

RELEASE:

Epopeia assina com renomado autor e ex-Diretor Criativo da Ubisoft para o projeto PAGO

A Epopeia, estúdio de jogos de Porto Alegre, está desenvolvendo o game PAGO, uma aventura inspirada nas histórias gaúchas e nos cenários do pampa. O jogo conta a história de um viajante que está retornando para a sua querência e, nesse caminho, irá se deparar com diversos personagens do folclore gaúcho. A Epopeia ganhou, recentemente, importante reforço na produção da obra, Christopher Kastensmidt, roteirista norte-americano radicado na capital do Rio Grande do Sul desde 2001.

pago_02

Kastensmidt é autor internacionalmente premiado pela série “A Bandeira do Elefante e da Arara”, além de ter seus livros, histórias em quadrinhos e jogos publicados mundialmente. Christopher foi sócio-diretor da Southlogic Studios e Diretor Criativo da Ubisoft, além de participar de diversos projetos de destaque, como Starlit Adventures, game com 5 milhões de usuários em que ele foi Roteirista de Transmídia.

“A primeira vez que me apresentaram o PAGO, me encantei com o projeto. É um game de temático universal e uma linda ambientação regional que vai chamar muita atenção pela originalidade. Tenho certeza que vai ser um sucesso internacional, e fico honrado com o convite de fazer parte do time”, destacou Christopher.

pago_01

“Estamos inserindo um ‘veterano’ camisa 10 na equipe, um amigo que possui 20 anos no mercado de games mundial e que conquistou basicamente tudo que qualquer desenvolvedor brasileiro sonha em conseguir”, destacou Ivan Sendin, sócio fundador da Epopeia. Sendin também destaca o conhecimento que Kastensmidt possui sobre a cultura e folclore brasileiro. “Ele chega dando uma cara internacional ao projeto, sem desrespeitar a nossa cultura”, concluiu.

O material ainda está em desenvolvimento e deve ser lançado oficialmente no final de 2017 para computador e, futuramente, para plataformas como Playstation e Xbox. No momento, a Epopeia procura empresas para financiar o projeto de PAGO. Aqueles que tiverem interesse em participar do projeto terão sua marca vinculada ao jogo e que, por consequência, será levada aos mais diversos eventos que entrarem no calendário de divulgação do material no próximo ano.

Centenário da morte de João Simões Lopes Neto

O ano de 2016 marca o centenário da morte do escritor pelotense João Simões Lopes Neto, cujas obras servem de inspiração para a trama de PAGO. Simões Lopes Neto é considerado o maior autor regionalista do Rio Grande do Sul e sua maior característica literária é valorizar a história do gaúcho e suas tradições.

“Cancioneiro Guasca”, “Contos Gauchescos”, “Lendas do Sul e “Casos do Romualdo” são os quatro livros lançados por Simões Lopes Neto em sua vida, mas o autor só atingiu destaque após sua morte, em 1916. Figuras como Boi Tatá e Salamanca do Jarau, destaques na obra do pelotense, estarão presentes na jornada do game, que também irá explorar outros desafios ao longo da exploração do pampa.

Assista o teaser do game:

INFORMAÇÕES PARA IMPRENSA
Grazieli Gotardo – assessoria@reversocomunicacao.com.br
Tatiane Mizetti – reverso@reversocomunicacao.com.br
Reverso Comunicação Integrada (Conrerp/4ª PJ116)
www.reversocomunicacao.com.br

Release: Lançamento porto-alegrense de A Bandeira do Elefante e da Arara

RELEASE – OUTUBRO/2016              

LANÇAMENTO:
A Bandeira do Elefante e da Arara

Baseado em uma história finalista do Prêmio Nebula, o escritor norte-americano Christopher Kastensmidt lança o romance A Bandeira do Elefante e da Arara, projeto que já contou com a publicação de uma HQ e combina aventura e criaturas fantásticas que povoam o folclore nacional brasileiro

O cenário do mundo ficcional de A Bandeira do Elefante e da Arara se dá no Brasil Colônia, onde as selvas inexploradas abrigam os seres encantados das lendas, como o Boitatá, a Mula Sem Cabeça e o Saci-Pererê. Nesse mundo fantástico, dois homens de coração puro – Gerard van Oost, um aventureiro e viajante holandês e Oludara, um guerreiro ioruba tomado como escravo – se encontram em Salvador e formam uma amizade tão improvável quanto duradoura.

A Bandeira do Elefante e da Arara terá sessão de autógrafos no dia 11 de outubro de 2016 (terça-feira), a partir das 19h, no A Taberna, em Porto Alegre.

Nascido no Texas, Christopher Kastensmidt vive há 15 anos em Porto Alegre (RS). Escritor de fantasia heroica com projeção internacio¬nal, escolheu a Devir Brasil para publicar o seu primeiro romance, A Bandeira do Elefante e da Arara.

Em 2010, Kastensmidt publicou na renomada revista Realms of Fantasy a novela “O Encontro Fortuito de Gerard van Oost e Oludara”, iniciando uma série de fantasia heroica sem paralelo na história do gênero. O texto foi escolhido pelos leitores da revista como o melhor daquele ano, e, mais importante, foi indicado ao Prêmio Nebula – da associação Science Fiction and Fantasy Writers of America –, o Oscar dos gêneros fantasia e ficção científica.

Os críticos foram unânimes em apontar a originalidade da história e a fascinante abertura que ela trouxe para um campo de folclore e mitolo¬gia pouco explorado internacionalmente pelo gênero: Kastensmidt usa o folclore, a paisagem, a história e a geografia do Brasil Colônia.

Vieram outras novelas na série protagonizada pelo aventureiro ho¬landês van Oost e pelo ex-escravo ioruba Oludara – três delas publica¬das no selo Asas do Vento da Devir Brasil. A iniciativa de Kastensmidt com a Devir também, rendeu em 2014, um livro de quadrinhos com a primeira aventura dos heróis. A HQ foi usada em muitas salas de aula em todo o Brasil e, também, foi finalista do Prêmio AGES na categoria especial: Livro do Ano, e escolhida como Livro do Mês em maio deste ano na Capital Nacional de Leitura – Passo Fundo. Em 2016, a poderosa distribuidora de e-books chinesa, Douban, com um alcance de 100 mi¬lhões de leitores, passou a distribuir as novelas da série.

Agora, as três novelas e sete outras aventuras da dupla de heróis estão juntas em uma única narrativa fluida e dinâmica, que dão forma ao primeiro romance de Kastensmidt, A Bandeira do Elefante e da Arara, lançado com uma linda arte de capa de Ursula “SulaMoon” Dorada. O romance traz uma visão completa da evolução dos heróis e do seu con¬tato com diversas populações e etnias do Brasil Colônia, e o autor apro¬funda e expande as implicações míticas do universo original de fantasia criado por ele. Leitura empolgante, A Bandeira do Elefante e da Arara é uma narra¬tiva de tirar o fôlego, com emoções variadas e a capacidade de modificar como enxergamos a experiência brasileira. Adequada ao público jovem e, também, adulto.

Na pré-venda, mais de 5 mil exemplares foram distribuídos através da Nerd Loot, um serviço de “Mystery Box”, que manda produtos surpresa para seus assinantes (http://www.nerdloot.com.br/).

O livro será lançado em première mundial e ganhará, em breve, um jogo de tabuleiro baseado nos personagens e seres folclóricos do ro¬mance, apresentando 53 pinturas deslumbrantes de SulaMoon.

Christopher Kastensmidt é autor norte-americano, radicado em Porto Alegre (RS) desde 2011. Seus livros e HQs já foram traduzidos para vários idiomas e adotados em dezenas de escolas no Brasil e nos EUA. Em 2011, foi finalista do Prêmio Nebula (EUA). Também foi finalista do Prêmio AGES e do Prêmio Argos, e vencedor do Realms of Fantasy (EUA). Por seu trabalho com a Odisseia de Literatura Fantástica, recebeu, junto com os seus coorganizadores, o Prêmio Amigo do Livro da Câmara Rio-Grandense do Livro e o Prêmio Mondo Estranho. Atualmente, leciona na UniRitter e é palestrante frequente em eventos nacionais e internacionais, além de prestar consultoria para empresas, universidades e organizações não governamentais.

DEVIR – Fundada em 1987 em São Paulo, a Devir possui várias filiais ao redor do glo¬bo. No Brasil, a empresa tem como foco a edição, publicação e distribuição de histórias em quadrinhos, livros, RPG, jogos de tabuleiro, card games cole¬cionáveis e miniaturas.

LANÇAMENTO DE A Bandeira do Elefante e da Arara, com sessão de autógrafos de Christopher Kastensmidt.
Data e horário: 11 de outubro de 2016 (terça-feira), a partir das 19h.
Local: A Taberna (Rua General Lima e Silva, nº 1.332 – Porto Alegre – RS). Entrada franca.

Formato: 23 x 16 cm / Estrutura: 326 páginas / Público: Juvenil/Adulto / ISBN: 978 85 7532 637 4 / Preço: R$ 44,00 – Preço especial para a sessão de autógrafos – R$ 35,00 / Palavras-chave: Folclore, fantasia, bandeirantes, Brasil Colônia

Release – A Bandeira do Elefante a da Arara será publicada na China

Logo of Douban

 

A Bandeira do Elefante a da Arara será publicada na China

 

Rede social Douban, com 100 milhões de usuários, publicará a premiada série de fantasia brasileira

 

Porto Alegre, 26 de janeiro de 2016 – Douban Read, braço editorial da rede social Douban, adquiriu os direitos para língua chinesa da série A Bandeira do Elefante e da Arara, de Christopher Kastensmidt. As histórias serão vendidas através do site Douban.com, uma rede com mais de cem milhões de usuários. O catálogo da Douban Read já conta com autores internacionais de destaque, como David Mitchell, Nancy Kress, Ken Liu, Thomas Olde Heuvelt e Aliette de Bodard.

 

A Bandeira do Elefante e da Arara é uma série de fantasia ambientada no Brasil colonial. Nas histórias, criaturas do folclore nacional—como Boitatá, Curupira e Saci-Pererê—habitam a selva e convivem com a dupla de heróis Gerard van Oost e Oludara. As histórias já concorreram ao prestigioso Prêmio Nebula, entre outros, e já foram publicadas em cinco idiomas, recebendo lançamento digital em inglês no ano passado. No Brasil, a Devir Livraria editou as histórias na série Duplo Fantasia Heroica.

 

Pei Liu, editor de obras estrangeiras da Douban Read, diz: “Quando eu li O Encontro Fortuito pela primeira vez, as criaturas do folclore brasileiro me fascinaram. Naquele momento, decidimos oferecer um ‘lar’ na China para A Bandeira do Elefante e da Arara. Achamos que a Douban Read é o lugar ideal para estas histórias, porque ela possui o maior grupo de leitores da China. Também é uma ótima oportunidade para leitores chineses encontrar a beleza, o mistério e a magia dos escritos de Christopher”.

 

Christopher Kastensmidt, autor da série, menciona: “É uma honra imensa assinar este contrato com a Douban. Não consigo imaginar um parceiro melhor para transportar o mundo de A Bandeira do Elefante e da Arara para a China, a maior audiência do mundo.”

 

De acordo com a publicação The Global Ranking of the Publishing Industry 2014, a China é responsável por 12% do mercado editorial mundial, perdendo apenas para os Estados Unidos.

 

Sobre Douban Read

Douban é uma das redes sociais mais visitadas da China, com mais de cem milhões de usuários cadastrados. Pessoas congregam na Douban, comprando e-books e compartilhando comentários sobre suas leituras, músicas e filmes prediletos. Douban Read, lançada em 2012, é a loja de e-books da Douban, acompanhada por um conjunto de aplicativos para iPad, Kindle e web. Para instigar essa experiência social, o aplicativo Douban Reader habilita comentários e resenhas dos próprios usuários. Também é a maior plataforma de auto-publicação da China, com publicação digital exclusiva de obras escritas por mais de 15 mil escritores iniciantes.

 

Sobre A Bandeira do Elefante e da Arara

A Bandeira do Elefante e da Arara é uma série internacionalmente premiada de fantasia brasileira. As histórias contam as aventuras do holandês Gerard van Oost e do iorubano Oludara, uma dupla improvável de heróis que se encontram em Salvador no século XVI. No Brasil, as histórias e quadrinhos estão sendo adotados por escolas de vários estados. Notícias, arte e referências culturais podem ser encontradas no site www.abandeira.org.

 

Sobre Christopher Kastensmidt

Christopher é norte-americano, radicado em Porto Alegre desde 2001. Antigo diretor da Southlogic Studios e da Ubisoft, é roteirista de games, quadrinhos e livros publicados no Brasil e em outros países.